CF: Máfia Potter (AnneCarolMalfoy)

|
♥ Hey Honey, como você está? Eu espero que esteja bem ♥
Mana, chamei a Lali aka Hosk maravilhosa pra fazer essa crítica comigo, espero que não se importe. Lembrando que nada do que for dito aqui tem o intuito de ofender ou denegrir a sua imagem. Quero somente ajudar você e a sua fanfiction.
Bem, fique agora com a crítica.


Tudo o que está por vir deriva-se da existência de um diário, um objeto mais do que poderoso, o semeador da discórdia. O diário faz um chamado para uma guerra entre duas das mais revolucionárias máfias: Máfia Potter contra Máfia Voldemort e seus aliados, que após dominarem a Ásia, anseiam pela destruição da Europa, que conta com a proteção da Máfia Potter. O que o diário revela ninguém se atreve a palpitar, mas nele está a motivação para o espírito vingativo de Voldemort, que quer a todo custo acabar com tudo o que os Potter prezam, e eles. Quando se inicia o confronto, consequências inimagináveis envolvem a todos, mas, principalmente, recaem sobre Gina Weasley. O membro mais jovem de uma das famílias mafiosas mais tradicionais, se vê obrigada a casar-se com Harry Potter, por quem sempre teve muito amor, mas jamais fora correspondida. No entanto, quando pensamos que a destruição já os atingiu por completo, vem à tona a descoberta de três atestados espalhados pelo mundo todo que comprovam a existência de uma família verdadeira que pode ocupar a máfia por completo. E em meio a iminente catástrofe dessa terrível guerra, Gina e Harry levem o casamento adiante, tornando-se pais de 3 filhos, dois meninos e uma menina. Talvez não haja tempo ou seja tarde demais, mas Harry finalmente percebe que Gina é a mulher de sua vida, e que a família que construiu significa sua vida. Deste modo, lutar e vencer era uma questão de necessidade para ele. Se perdesse suas maiores motivações, perderia tudo.


Estética da história
Capa: A capa apresenta uma base boa. Contudo, a mesclagem é primária, principalmente a do fogo com os pngs, que possuem cores diferentes (p&b e colorido) o que incomoda um pouco, visualmente dizendo. Já nas personagens, constatei que a designer apagou metade do cabelo da garota, o que deixou o acabamento também primário.
As cores escolhidas são bonitas e agradam, além de remeterem ao incêndio na casa do Harry. Como último tópico, digo-lhe que as fontes do título não agradam, bem como seu devido posicionamento, igualmente o da frase — que é pouco convidativa, talvez um pouco óbvia. A designer poderia ter centralizado o título e posicionado a frase mais ao meio da capa.
Mesmo com tudo isso, não podemos negar que a designer fez uma bela capa!

Sinopse: Sinceramente, por mais que a sinopse cumpra sua função de informar o que acontecerá no decorrer da história, ela transmite exaustão. Tanto pelo tamanho quanto pela repetição desnecessária de palavras, tal como, principalmente, a de “máfia” e “um (a)”, o texto é cansativo e esteticamente desgastante. Além disso, há um erro de concordância em “lutar e vencer era...” ao invés de “lutar e vencer eram...”. A sinopse poderia conter menos informações que, ao nosso ver, expõem o mistério por trás do enredo.

Nota: 1,3 de 2,0


Escrita
Podemos notar sua dificuldade nas construções de parágrafos, estruturando-os com uma única frase. É primordial que tenha consciência de que um parágrafo é formado por um conjunto de frases o qual trate do mesmo assunto. Há um desfalque sutil na sua pontuação. Muitas vezes você utiliza vírgulas em momentos em que um ponto final faria bem, inclusive, no primeiro parágrafo do próprio prólogo, pode-se observar este erro. Observe:
A Europa estava em festa, precisamente a Inglaterra onde a princesa da máfia estaria se casando, Hermione Potter estava prestes a se tornar Hermione Weasley.
Ela estava em seu quarto terminando os ajustes de seu belo vestido cravejado com as mais preciosas pedras, auxiliada pela cunhada, Gina.
Os parágrafos estão compostos por uma frase única (e crua), com erro na conjugação do verbo “estar”. O mesmo trecho se torna mais detalhado, correto e intenso, unificado, deste modo:
A Europa estava em festa, precisamente a Inglaterra, onde a princesa da máfia estava se casando. Naquele instante, Hermione Potter estava prestes a se tornar uma Weasley. Ela estava em seu quarto, terminando os ajustes de seu belo vestido cravejado com as mais preciosas pedras, auxiliada pela cunhada, Gina.
Além disso, você possui o hábito de trocar o travessão (—) com o hífen (-), utilizando o símbolo para separação silábica para indicação de falas. O que não é um erro, todavia, transmite cansaço à leitura é a repetição dos nomes das personagens a falar. Para enriquecer a narração em terceira pessoa, descreva detalhadamente cada uma das personagens e use pseudônimos, como em “Gina falou...” por “disse a menina com os cabelos arruivados.”, compreende?
Outro ponto crucial é alertá-la quanto aos vocativos. Quando uma frase é feita direcionada a alguém, chama-se “vocativo”, é indispensável o uso de vírgulas para diferenciação do sujeito. Ou seja, “Gina ajuda a Hermione” é diferente de “Gina, ajuda a Hermione”. Na primeira frase, a Gina é quem ajuda, enquanto, na segunda, pedem à Gina que ajude.
Um elogio que não podemos deixar de fazer é quanto ao seu uso de imperativo e subjuntivo. Os seus verbos são usados de maneira impecável. Adoramos escritas corretas, e a sua, de fato, é. Isso nos agrada bastante. Parabéns!

Nota: 2,0 de 4,0


Enredo
Quanto ao enredo, pudemos notar a falta de um clímax principal, algo que instigue o mistério no leitor. Os capítulos postados descrevem apenas a relação de Gina e Harry, e como tudo parece girar ao redor de ambos, enquanto as máfias tentam encontrar o famigerado diário. Essa monotonia causa exaustão nos leitores. Quando vamos procurar algo para ler, quase sempre queremos algo novo e instigante, saca?
Você tem um bom enredo nas mãos, mas falta explorá-lo, desenvolvê-lo, além de inserir sentido aos acontecimentos, que por vezes não possuem uma razão central.

Nota: 1,0 de 3,0


Avaliação final
Achamos a escrita crua. Os textos são, basicamente, diálogos. Não há desenvolvimento de cena, construção de cenário, ou envolvimento com a história. Acreditamos que o enredo seja bom, mas que esteja mal explorado.

Nota: 0,5 de 1,0


Nota final: 4,8 de 10

Então mana, é isso. Perdoe-nos pela demora, e não fique triste pela nota, sério. Como citado acima, você tem muito potencial, mas não está conseguindo desenvolvê-lo de uma maneira produtiva.
Enfim, eu e a Lali agradecemos por pedir no HD e lhe desejamos muita sorte com a fanfiction!

Nenhum comentário:

Postar um comentário