Crítica de Fanfic: A Babá (BecHoney)

|
Sinopse:
Sorrisos e promessas de amor foram compartilhados entre dois apaixonados. Eles não contavam com uma drástica fatalidade, no entanto. Um acidente tira a vida daquela que levou consigo parte do coração de Justin, mas deixou duas inocentes almas que o impediram de cair em uma eterna escuridão. Tornando-se pai solteiro, o homem começa a fazer uma seleção entre várias mulheres que se candidatam a serem babás de seus filhos. Ele queria a melhor para confiar as vidas de seus bens mais preciosos. Lorena parece ser a escolha perfeita. Ele apenas não contava que ela se tornaria muito mais que um pilar para as crianças e seu lar. 

Crítica de Fanfic

Estética da Fanfic  (Capa e sinopse):

Capa: Achei as cores da capa bem condizentes com o enredo, as personagens estão colocadas no lugar certo e o título está claro e legível. Acredito que chame bastante os leitores. Está lindíssima!

Sinopse: Achei a sinopse com uma intensidade estupenda, extremamente convidativa e reveladora na medida. Há erros, no entanto. A frase “...mulheres que se candidatam a serem babás...” está com a concordância equivocada, o correto é “candidatam a ser”, e o tempo verbal se perde. A sinopse começa a ser narrada no passado, vai ao presente e retorna ao passado. Sugiro que uniformize em um só.

Nota adquirida na categoria: 1.8 de 2.0

Capacidade gramatical:
Errinhos de concordância, tais como: “Era para ser um, veio dois.”, ao invés de “vieram dois”. Lembre-se de sempre perguntar ao verbo a quem ele se refere. O “vir” está concordando com o “dois”, então vai ao plural. 
Também notei ausência de vírgulas, pode-se notá-la em: “Enquanto isso farei testes, para ver se há traumas.”, uma vírgula entre “isso” e “farei” se fez ausente. Com ela, a frase poderia ser toda trocada sem perder o sentido. Repare: “Enquanto isso, farei testes, para ver se há traumas.”, mantém-se em “Para ver se há traumas, enquanto isso, farei testes.” e “Farei testes, para ver se há trauma, enquanto isso.” Enquanto a que está no texto se perde ao revertê-la. Guarde na mente que as frases entre vírgulas podem ser arrastadas para qualquer pedaço da frase sem que o sentido seja desfeito. 
Ademais, em alguns capítulos, as falas foram iniciadas com meia-risca (–) ao invés de travessão (—).

Nota adquirida na categoria: 3.5 de 4.0

Análise de enredo:
Achei a história bem elaborada, mas um pouco arrastada. Adorei o fato da Lorena sofrer nas mãos da mãe do Justin, enriqueceu a história, apesar de ser perturbador se colocar no lugar da babá. Contudo, senti falta de pitadinhas de suspense a cada capítulo, daquele estalo de dizer “Ai, meu Deus! Preciso de mais.”
Penso que, se introduzir esses “elementos surpresas”, sua história se manterá no mesmo caminho, com a mesma pegada, porém, com mais força. Além disso, gostei do modo lento como a relação entre Justin e Lorena acontece. Deste modo, o leitor consegue se afeiçoar aos dois. Gostei muito!

Nota adquirida na categoria: 2.0 de 3.0

Crítica final:
Quanto à escrita, senti falta de algumas análises e sentimentos das personagens. Como a narração é em primeira pessoa, acredito que, ao acrescentar essas pitadas de críticas, você consiga cativar mais o leitor. O capítulo 6, por exemplo, foi, basicamente, montado à base dos diálogos e senti muita falta das sensações. Aconselho-lhe a investir um pouco nesta parte.
Vamos aos elogios? Tenho muitos. Primeiramente, preciso ressaltar o quão apaixonada eu fiquei por Blair e Bryan. Adorei a forma como seus diálogos se desenvolvem. Consegui soltar leves sorrisinhos, enquanto os lia, e me sentir no lugar das personagens. Algo que também é digno de palmas é o fato da história não ficar presa ao romance. Para mim, histórias que vão além disso merecem maior destaque e a sua é uma delas. Você conseguiu tratar de superação, conflitos internos e autodesenvolvimento. De modo em geral, é uma boa história para acompanhar. Não é à toa que lhe chove leitores assíduos.

Nota adquirida na categoria: 0.7 de 1.0

Nota Total: 8.0 de 10
Hello, hello!
Muitíssimo obrigada pela preferência!
Espero que minha opinião ajude a melhorar cada vez mais e 
que não se ofenda com nada que tenha sido dito por aqui. 
Sua história é um sucesso, mas, em todo caso, continue brilhando!
Com amor,
Hosk
  

2 comentários:

  1. Vou adquirir as dicas e muito!
    Muito obrigadaaa <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico aliviada em saber que gostou ♥
      Eu quem agradeço à preferência, Reb!!

      Excluir