Sinopse: Duplex (pqp mendes)

|
Sinopse I: 

Por muitas vezes pensei em desistir, simplesmente por não suportar mais ser um fardo e carregar a culpa que me dominava, todos os dias. Em silêncio, quando posso me encostar contra os azulejos do banheiro, fecho meus olhos e permito que as lágrimas se misturem junto a água que, infelizmente, lava apenas o meu corpo. Mas, quando passo pela porta, recoloco a minha máscara e volto a ser forte e desafiadora. Pessoas podem me chamar de corajosa, mas não sabem o quão destruída estou, sem mais forças para lutar.
No entanto, pensando que novos problemas não poderiam bagunçar um pouco mais o que já estava completamente alvoroçado, um par de olhos azuis encaram-me e me fazem perder o controle de tudo o que havia em mim. Bastou uma troca de ofensas para que nossos caminhos se ligassem em um castigo mais longo do que poderíamos querer. Ele exalava arrogância e mistério, como se também se escondesse atrás de algo. E, eu que nunca pensei que gostasse de aventuras, desejei me aventurar em sua vida.

Sinopse II: 

Todos os dias, ao se levantarem de suas camas e planejarem sua rotina, pessoas mascaram-se no intuito de esconder medos e fraquezas. Jazmyn Hathaway, a cada vez que deixava a sua casa, dizia a si mesma que seus problemas ficariam ali, e aqueles que a viam andar com o queixo erguido em plena segurança, não imaginavam que, por dentro, ela já havia desabado. Já Nash Grier era o seu oposto. Sua segurança existia e ele não se importava em exalar isso, demasiadamente. E aqueles que o olhavam, sempre viam um sorriso de canto, pronto para tumultuar a vida de outra pessoa.
Embora seus caminhos nunca tenham se cruzado, bastou uma discussão entre a garota de língua afiada e o rapaz de olhos azuis intensos, para que se ligassem em algo que não podiam reverter. Um castigo foi o suficiente para colocar frente a frente duas almas que guardam segredos e temores. E, talvez, finalmente, as máscaras possam cair e eles consigam ser eles mesmos. Pois, ainda é um fato que os opostos se atraem e que o amor pode nascer até mesmo em meio ao caos. 

HELLO HELLO, NHAC!
Como vai, meu amor?
Muito obrigada pela preferência <3
Fiz duas versões da sua sinopse, uma narrada pela Jazmyn e outra em terceira pessoa. 
Espero que tenha gostado, caso contrário, fale comigo ou sinta-se livre para refezer o seu pedido. 
Boa sorte com a Fanfic!
(manda o link quando postar)

Com amor, Modified Universe



Um comentário:

  1. Ah meu pai, como estão maravilhosas! Muito obrigada amor, você sempre arrasa! E claro, irei mandar com certeza! ❤

    ResponderExcluir